Por que meu bebê chora muito? O Que dizem os Especialistas?

O meu bebê chora muito, o que fazer? Para pais e mães de primeira viagem essa pergunta costuma ser mais comum, principalmente, ao estranhar o comportamento do bebezinho ao chorar além do esperado.


Devemos ressaltar, inicialmente, que não é todo tipo de choro que significa dor, alta necessidade ou sinal de doença grave. Claro, que todo choro tem uma causa que precisa ser observada e resolvida.


Neste artigo falaremos mais sobre o tema e apresentaremos algumas dicas importantes.

O meu bebê chora muito, o que fazer?

​Como falamos no início do artigo, o choro não é sinal somente de dor, mas pode sinalizar outros sentidos como fome, frio e estranheza em relação ao ambiente.


A seguir listamos as principais causas do choro que podem e devem ser observadas:

1 - Fome

Quando a criança chora, a primeira dúvida é saber se ela está com fome, principalmente, de madrugada ou de manhã. Devemos lembrar que o bebezinho possui um sistema digestivo ainda pequeno o que gera a necessidade de comer a cada três horas e pedir mais alimento.


Ao chorar, se ele também fica agitado como se estivesse incomodado ou procurando por algo, com certeza a causa do choro é fome.


2 – Arroto

O bebê arrota, sim ele arrota. Principalmente, depois de comer ou tomar a mamadeira é importante que o pequeno arrote para evitar soluços, vômitos ou qualquer incômodo.


Depois da mamadeira, é indicado colocar o bebezinho em posição vertical no colo e dar leves batidinhas nas costas dele para liberação dos gases estomacais.

3 – Fralda suja

Outro fator que pode gerar o choro é a fralda suja. Quando a fralda está “cheia” de fezes ou molhada demais, ela pode machucar ou causar incômodos.


Geralmente, esse tipo de incômodo aumenta depois da mamadeira. É importante fazer toda a higienização completa, trocar a fralda e manter o bebezinho em ambiente limpo e agradável.


No caso de evacuação em excesso é indicado procurar a ajuda de um médico pediatra para verificar casos de desidratação ou diarreia.

4 – Cólica

Quando o bebê sente cólicas ele também pode sentir mal estar e chorar muito. A cólica é causada, principalmente, por gases no sistema gastrointestinal que podem gerar compressões na região da barriga.

5 – Pode ser Sono

Outra causa é o sono. Se o bebê tem o hábito de dormir cedo ou de cochilar no início da tarde e não consegue dormir naquele momento, ele pode começar a chorar.




​Além do horário, o sono pode ser causado pelo cansaço causado pela mudança de rotina na casa, viagem ou compromisso dos pais. É muito importante respeitar o período de descanso do bebezinho para reduzir o choro causado pela falta de sono.

Conclusão

Em situações mais graves é fundamental procurar a ajuda de um médico para resolver questões de choro em excesso. Mas, para os pais é importante observar as principais causas do choro e resolver a favor do melhor conforto do bebê.


Se o seu bebê costuma chorar muito e está tendo problemas para se adaptar ao berçário, fale com nossas tias e descubra como melhorar a qualidade de vida de seu pequenino!